Cursos Complementares do Cefart | Agosto e Setembro

19/08 - 30/09

Centro de Formação Artística e Tecnológica - Cefart

As inscrições estão abertas para os Cursos Complementares gratuitos do Centro de Formação Artística e Tecnológica – Cefart. Como medida temporária de prevenção, enfrentamento e contingenciamento da epidemia causada pelo Coronavírus (COVID-19), os Cursos serão ofertados na modalidade de aulas remotas (on-line), usando diversas ferramentas virtuais, como lives no Instagram, transmissões no YouTube da FCS, e a plataforma Cefart Virtual. A programação é inteiramente gratuita, contudo, o acesso à internet é de responsabilidade de cada participante. Este evento possui correalização da Appa – Arte e Cultura.

As atividades ofertadas são tanto para formação continuada quanto para qualificação técnica profissional. Para concorrer às vagas, os interessados deverão conferir as especificidades de cada curso na programação abaixo, e se inscrever pela internet. A programação de lives e transmissões pelo YouTube não exigem inscrições prévias.

 

PROGRAMAÇÃO DE LIVES NO INSTAGRAM

 

LIVE: Aulas de Dança em tempos de pandemia

Bete Arenque conversa com Tíndaro Silvano — bailarino, coreógrafo e professor de balé de notoriedade nacional e internacional — sobre a importância do uso das mídias sociais na manutenção e evolução das técnicas de dança em tempos de covid.

Acesso: Instagram da FCS

Data e horário: 19 de agosto de 2020, às 17h

Mediadora: Bete Arenque – Professora no Centro de Formação Artística e Tecnológica do Palácio das Artes.

Convidado: Tíndaro Silvano. Iniciou seus estudos de ballet com o Prof.Carlos Leite em Belo Horizonte e aperfeiçoou-se no Brasil e eterior. Atuou nas companhias do Palácio das Artes (BH), do Ballet Guaíra (Curitiba), do Ballet Gulbenkian (Lisboa) e do Ballet do Theatro Municipal (Rio de Janeiro). Dirigiu a Cia de Dança do Palácio das Artes durante o período 1988-1996. No período 2005/2006 residiu em Paris na Cité Internationale des Arts na qualidade de artista convidado. Dirigiu e atuou como coreógrafo residente da Cia Jovem do Palácio das Artes de 2007 a 2010. Atualmente trabalha como coreógrafo free-lance, desenvolvendo parcerias com instituições de diversos países tais como Bélgica, Holanda, Finlândia, Dinamarca, Turquia, entre outros.

 

LIVE: Teatro e Performance: composições do enunciado cênico contemporâneo

Lucimélia Romão discorre acerca das relações entre teatro e performance na composição do enunciado cênicos na contemporaneidade, buscando evidenciar como essas relações potencializam a dimensão da criação cênica usando como exemplo a sua performance “Mil litros de preto – O largo está cheio” que inaugurou a 9ª Mostra 3M de Arte – Manifestos por outros mundos possíveis.

Acesso: Instagram da FCS

Data e horário: 21 de agosto de 2020, às 17h

Mediadora: Carolina de Pinho – Professora Professora no Centro de Formação Artística e Tecnológica do Palácio das Artes.

Convidada: Lucimélia Romão. Artista de rua, dançarina e performer. Natural de Jacareí, interior de São Paulo. Atriz, formada em 2013 no curso técnico em Teatro pelo Escola Municipal de Artes Maestro Fêgo Camargo em Taubaté/ SP. Graduanda em Teatro pela Universidade Federal de São João Del Rei – MG onde pesquisa teatro e performance negra. A artista inaugurou a 9ª Mostra 3M de Arte – Manifestos por outros mundos possíveis, no Largo da Batata em São Paulo – SP,  com a performance “Mil litros de preto – O largo está cheio”.

 

LIVE: Conversando sobre Música 

Acesso: Instagram da FCS

Data e horário: 10 de setembro de 2020, às 17h

Mediador: André Brant – Regente Assistente da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais.

Convidado: Roberto Tibiriçá, natural de São Paulo. Já recebeu orientações de Guiomar Novaes, Magda Tagliaferro, Dinorah de Carvalho, Nelson Freire e Gilberto Tinetti. Foi discípulo do maestro Eleazar de Carvalho, com quem teve a oportunidade de trabalhar durante 18 anos, depois de ter vencido o Concurso para Jovens Regentes da OSESP em duas edições seguidas. Ocupou o cargo de Regente Assistente no Teatro Nacional de São Carlos (Lisboa/Portugal) e, em 1994, tornou-se Diretor Artístico e Regente Titular da Orquestra Sinfônica Brasileira. Entre 2000 e 2004, foi Diretor Artístico e Regente Titular da Orquestra Petrobras Sinfônica e, entre 2005 e 2011, Diretor Artístico da Sinfônica Heliópolis, do Instituto Baccarelli (SP). Em 2010 assumiu como Regente Titular da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, onde permaneceu até 2013. Foi também Regente Titular e Diretor Artístico da Orquestra Sinfônica de Campinas (SP), da Orquestra Filarmônica de São Bernardo do Campo (SP) e da Orquestra Sinfônica do SODRE, Montevidéu (Uruguai). No Rio de Janeiro foi eleito pela crítica como o Músico do Ano de 1995 e recebeu nesse Estado o Prêmio “Estácio de Sá”, por seu trabalho com a Orquestra Sinfônica Brasileira. Participou do Festival Martha Argerich, em Buenos Aires, por duas vezes, a convite da própria artista, em 2001 e 2004. Já há alguns anos é convidado para o Festival Villa-Lobos, Venezuela, regendo concertos com a Orquestra Simón Bolívar. Recebeu em 2010 e 2011 o XIII e XIV Prêmio Carlos Gomes como Melhor Regente Sinfônico (por seu trabalho com a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais e a Sinfônica Heliópolis, do Instituto Baccarelli). Recebeu, ainda em 2011, a “Ordem do Ipiranga” (a mais alta honraria do Estado de São Paulo), a Grande Medalha Presidente Juscelino Kubitschek (outorgada pelo Governo de Minas Gerais) e o Prêmio APCA (Associação dos Críticos Musicais de São Paulo) como Melhor Regente (por seu trabalho com a Sinfônica Heliópolis e com a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais). Ocupa a Cadeira Nº 5 da Academia Brasileira de Música e, em 11 de maio de 2018, tomou posse como Membro Honorário da Academia Nacional de Música, RJ.

 

LIVE: Arte Educação em Tempos de pandemia | Experiência estética e mediação cultural em tempos de distanciamento

A convidada Míriam Celeste e o professor Giovane Diniz conversam sobre curadoria educativa, arte educação, mediação cultural em tempos de distanciamento social, educativos virtuais e perspectivas futuras.

Acesso: Instagram da FCS

Data e horário: 17 de setembro de 2020, às 17h

Mediador: Giovane Diniz – Professor no Centro de Formação Artística e Tecnológica do Palácio das Artes.

Convidada: Mirian Celeste Martins. Professora com foco na formação de outros professores, onde busca nutrir sensibilidade, arte e um conhecimento mais holístico e partilhado, acreditando na potência de cada aprendiz. Mestre pela ECA, doutora pela FEUSP, fui professora da UNESP e hoje atua na Universidade Presbiteriana Mackenzie no curso de Pedagogia e na Pós em Educação, Arte e História da Cultura. Coordena dois Grupos de Pesquisa: GPAP – Arte na Pedagogia e GPeMC – mediação cultural: provocações e contaminações estéticas.

 

LIVE: Desejos de Teatro

Paulo Maffei e Clóvis Domingos conversam sobre as pulsões criativas dos artistas teatrais, de modo a refletir as múltiplas teatralidades contemporâneas, bem como uma possível teatralidade virtual.

Acesso: Instagram da FCS

Data e horário: 22 de setembro de 2020, às 17h

Mediador: Paulo Maffei

Convidado: Clóvis Domingos. Artista, pesquisador cênico e professor de teoria e história do Teatro. Pós-Doutorando em Artes Cênicas no Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da UFOP. Crítico no site Horizonte da Cena (BH/MG), com participação em diversos festivais como: Festival de Curitiba, MITsp, Aldeia Sesc Ilha do Mel, Palco Giratório etc. Suas áreas de interesse são: cena contemporânea, crítica e mediação, práticas cênicas liminares e escritas da margem.

 

LIVE: Processos horizontais em curadoria: espaços em construção

Acesso: Instagram da FCS

Data e horário: 24 de setembro de 2020, às 17h

Mediadora: Daniela Parampal. Professora no Centro de Formação Artística e Tecnológica do Palácio das Artes.

Convidada: Juliana Gonjito. Pesquisadora, curadora e professora adjunta na Universidade Federal do Sul da Bahia. Possui doutorado em História e Teoria das Artes pela Universidade de Buenos Aires, especialização em Linguagens Artísticas Combinadas pela Universidad Nacional de las Artes (Buenos Aires), graduação em Estudos Cinematográficos pela Universidade Sorbonne Nouvelle (Paris) e em História da Arte e Arqueologia pela Université Le Mirail (Toulouse, França). É colaboradora da revista digital de arte contemporânea chilena Artishock. Em 2014, publicou o livro Distopias tecnológicas (Ed. Circuito / Prêmio Funarte Bolsa de Estímulo à Produção Crítica). Foi editora de Ediciones Portunhol, projeto de publicações independentes com artistas e autores latino-americanos lançado em 2017 pela Casa Tomada (São Paulo). Coordenou exposições na Fundación PROA (Buenos Aires) e na FUNCEB (Buenos Aires), além de projetos independentes na Argentina e Brasil, como a residência artística Arte in loco (Buenos Aires – Rio de Janeiro / Prêmio Rede Nacional Funarte 2009). Fez parte da equipe de seleção da 21ª Bienal de Arte Contemporânea Sesc_Videobrasil (São Paulo, 2019). Entre as curadorias realizadas, destacam-se: Cildo Meireles: Cerca de Lejos (Prêmio do Círculo de Críticos de Arte de Chile por melhor exposição internacional de 2019 / BienalSur / Centro Nacional de Arte Contemporáneo Cerrillos, Santiago, Chile, 2019); Conversas em Gondwana (Centro Cultural São Paulo, 2019 / co-curadoria: Juliana Caffé); Dura lex sed lex (BienalSur / Centro Cultural Parque de España, Rosario, Argentina, 2017 / co-curadoria: Raphael Fonseca), Território, Povoação (Premio C.LAB, Blau Projects, São Paulo, 2016 / co-curadoria: Gabriel Bogossian); e Instabilidade estável (Prêmio Temporada de Projetos, Paço das Artes, São Paulo, 2014).

 

 

PROGRAMAÇÃO DE CURSOS COMPLEMENTARES

 

CURSO DA ESCOLA DE ARTES VISUAIS

 

Elaboração de Projetos Culturais e Captação de Recursos  

Data: 2 até 30 de setembro de 2020

Horário: 15h às 17h

Acesso: Cefart Virtual

Ministrante do Curso: Rômulo Avelar. Administrador e gestor cultural, com atuação em empresas e na área pública, em instituições como a Fundação Clóvis Salgado, a Secretaria de Estado de Cultura de Minas e a Fundação Municipal de Cultura de Belo Horizonte. Foi consultor do Grupo Galpão e da Casa do Beco, prestou consultoria a dezenas de artistas e grupos e ministrou 158 cursos de produção e gestão cultural em quase todos os estados brasileiros. Autor dos livros “O Avesso da Cena: notas sobre produção e gestão cultural” e “Do Grupo Galpão ao Galpão Cine Horto: uma experiência de gestão cultural”, este último escrito em parceria com Chico Pelúcio.

Ementa: O Curso tem como proposta transmitir informações e conhecimentos fundamentais à elaboração e à negociação de projetos no universo da cultura, bem como abrir horizontes sobre os processos de busca de recursos.

Inscrições: https://www.sympla.com.br/curso-complementar-elaboracao-de-projetos-culturais-e-captacao-de-recursos__910947

 

CURSO DA ESCOLA DE MÚSICA

 

Captação de Áudio e Vídeo para tempos virtuais

Data: 24 de agosto até 28 de agosto de 2020

Horário: 10h às 12h

Acesso: Cefart Virtual

Ministrante do Curso: André Veloso. Bacharel em Ciência da Computação pela UFMG, Engenheiro de Áudio, Sound Designer, Diretor de Cinematografia, Editor/Finalizador de Vídeo, Consultor de Tecnologia para Áudio, Cinema Digital, Arte Digital Audiovisual Interativa, Música e Artes Cênicas.

Ementa: Em tempos de distanciamento social necessário para se enfrentar a pandemia, os profissionais da área de ensino foram apresentados a uma situação de ministrar aulas online por videoconferência, lives, redes sociais, vídeos. O curso “Captação de Áudio e Vídeo para tempos virtuais” que tem como objetivo apresentar a esses profissionais e demais interessados técnicas e ferramentas para melhorar a qualidade do material audiovisual produzido para essas aulas a distância.

Inscrições: https://www.sympla.com.br/curso-complementar-captacao-de-audio-e-video-para-tempos-virtuais__934794

 

 

CURSO DA ESCOLA DE TEATRO

 

Luta Animal: composição a partir de elementos da Capoeira Angola e Contato Improvisação

Data: 24 de agosto até 28 de agosto de 2020

Horário: 15h às 17h

Acesso: Cefart Virtual

Ministrante do Curso: Sitaram Custódio, 32 anos. Realizou todo o curso de teatro oferecido pela Escola de Teatro da PUC Minas de 2008 a 2010. Em 2012 conclui o curso profissionalizante de teatro pelo Centro de Formação Artística (Cefart) da Fundação Clóvis Salgado. Desde 2011 é integrante do grupo especializado em performance e teatro físico CONTRAPONTO, coordenado por Luiz Carlos Garrocho. Em 2014 ministrou oficina de elementos de teatro físico em parceria de Leandro Lara, sob a coordenação de Luiz Carlos Garrocho. Atualmente cursa Bacharelado em Teatro na Universidade Federal de Minas Gerais.

Ementa: Luta Animal é um jogo no qual a base principal são formas de improvisações que experimentam os aspectos corporais da Capoeira Angola e do Contato Improvisação. Esta metodologia foi desenvolvida durante oito anos por mim e pelo grupo Contraponto que desde 2011 vem se aprimorando nos estudos dos elementos básicos de Teatro Físico, desenvolvendo ferramentas para o ator e o performer, junto aos estudos de composição e de práticas espaciais. Considerando que cada corpo se forma e se constitui por uma experiência particular e específica, a indagação aqui se estabelece da seguinte forma: como um ator ou atriz que não possui uma territorialidade, no caso a capoeira, pode se apropriar desse processo?  A proposta deste curso portanto, desenvolve-se em torno da elaboração de sistemas de elementos práticos da Capoeira Angola visando investigar o treinamento como composição corporal utilizando exercícios e técnicas usadas no Contraponto.

Inscrições: https://www.sympla.com.br/curso-complementar-luta-animal-composicao-a-partir-de-elementos-da-capoeira-angola__911906

 

 

CURSO DA ESCOLA DE TECNOLOGIA DA CENA

 

Sketchup

Data: 21, 22 e 23 de setembro

Dia e horário: Dias 21 e 22 das 19h às 21h, e dia 23 das 18h às 19h

Acesso: Cefart Virtual

Ministrante do Curso: Kyvia Salles Mol Ribeiro Lopes, arquiteta e urbanista formada pela Universidade Fumec, dentro da sua formação passou um ano na Alemanha na faculdade Técnica de Arquitetura. Possui passagem pelo American Arts Incubator, residência artística sediada pelo JA.CA em parceria com a embaixada americana e passagem pelo CEFART na formação em expografia,do módulo de artes visuais.

Ementa: O curso tem como proposta a assimilação de conceitos básicos sobre modelagem eletrônica, do reconhecimento e uso das ferramentas do programa. Reflexão sobre suas aplicações práticas dentro da tecnologia da cena, relações profissionais e produção técnica da apresentação de um projeto em maquete eletrônica. Para um bom proveito do curso é necessário que todos os participantes tenham o programa SketchUp instalado em seus respectivos computadores.  ​

Inscrições: https://www.sympla.com.br/curso-complementar-modelagem-3d—sketchup__943444

 

 

Sonoplastia

Data: 28 até 30 de setembro

Horário: 9h às 12h

Acesso: Cefart Virtual

Ministrante do Curso: Flora Guerra. Graduada em Engenharia de Telecomunicações, trabalha com áudio desde 2009. Em 2015 fundou a produtora de áudio Maré áudio criativo, onde produz conteúdo sonoro para audiovisual, música, Podcasts, acessibilidade, publicidade e tudo o que se ouve. Trabalha também com operação de som ao vivo, gravação e finalização de áudio para shows e espetáculos. Realizadora e facilitadora da Oficina de Áudio para Mulheres da Música, e professora de cursos técnicos de áudio

Ementa: O Curso Complementar de Sonoplastia busca explorar o papel do som como um importante elemento na criação e construção de narrativas nas diversas artes audiovisuais. Através do trabalho de edição e mixagem, passando pelo desenho de som e trilha musical podemos criar tensões e alívios, multidões ou vazios seja em uma peça, um filme ou uma performance.

Inscrições:  https://www.sympla.com.br/curso-complementar-sonoplastia__946597 

 

 

 

CURSOS DA ESCOLA DE DANÇA

 

Dança Contemporânea (Inscrições Encerradas)

Curso com Dudude Herman, artista de dança, é reconhecida não somente pelo seu trabalho na dança, mas pelas criações em que faz a interseção com diversas outras linguagens artísticas como o teatro, a performance, a música. Premiada diversas vezes como diretora, coreógrafa e intérprete, possui uma singular assinatura nas artes adquirindo projeção nacional ao longo vários anos de carreira.

 

Brincante: o corpo e o objeto nas danças populares (Inscrições Encerradas)

Curso com Sara Brito, arte-educadora de danças populares para crianças, graduanda do curso de Dança / UFMG. Atua como bailarina do Grupo Aruanda desde 2007. Sara também tem vasta experiência como educadora de Corpo e Movimento e Histórias e Brincadeiras para crianças pequenas na Casa Ideia Instituto e no Espaço Corre Cutia.

 

 

PROGRAMAÇÃO DE AULAS ABERTAS

 

Trabalho Vocal para o Ator

Acesso: Canal no YouTube da FCS

Ministrante: Marcelo Gabriel. Criador, diretor, ator, dançarino, escritor e videomaker. Em 1987 fundou a Companhia de Dança Burra, por meio da qual ele busca realizar “ uma dança de resistência, um teatro físico que se baseia num depoimento pessoal e intransferível”. Recebeu dois prêmios APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte; 1995 pelo espetáculo O Estábulo de Lixo (melhor concepção); 1996 pelo espetáculo O Nervo da Flor de Aço (melhor interpretação).

 

Segredos do teatro de bonecos e animações

Acesso: Canal no YouTube da FCS

Ministrante: Leandro Marra. Ator, iluminador e fotógrafo, trabalha com teatro de bonecos e animações desde 2001, como ator-manipulador, bem como na construção e criação de bonecos e projetos técnicos em importantes Cias como Grupo de teatro Armatrux (8 anos), Cia Catibrum (7 anos), dentre outras. Foi diretor, ator-manipulador, iluminador e cenógrafo da Cia Articulação (RJ). Construiu os bonecos premiados pelo Premio SHELL, do espetáculo “Marina”, da Cia Pequod (RJ – Direção Miguel Vellinho). Participou como ator-manipulador dos espetáculos premiados “De banda pra lua” (Grupo de Teatro Armatrux – Direção Eid Ribeiro) e “Som das Cores” (Cia Catibrum – Direção Lelo Silva). Foi diretor de equipe técnica e coordenador da oficina de bonecos no Grupo de Teatro Armatrux. Participou da mini-série “Draculinha – O vampirinho” (Abre-te Sesámo – exibida em Portugal). Trabalha também com palhaçaria, fotografia, iluminação e cenografia.

 

Fotografia para as Artes Cênicas

Acesso: Canal no YouTube da FCS

Ministrante: Guto Muniz. Como fotógrafo, Guto Muniz atua há trinta e dois anos em projetos culturais. Foi responsável pela cobertura de diversas edições de importantes eventos das artes cênicas mineiras, como o FIT-BH, Festival Internacional de Teatro de Bonecos, Festival Mundial de Circo, Encontro Mundial das Artes Cênicas, Mostra Internacional de Solos e Duos, Horizontes Urbanos, Fórum Internacional de Dança, dentre outros. Criador da Foco in Cena, empresa dedicada a projetos fotográficos, culturais e educacionais. Como professor, ministra disciplinas de fotografia em diversos cursos de graduação e pós-graduação de Belo Horizonte. Criou e coordenou o curso “Fotografia, Arte e Cultura”, integrante do Programa de Desenvolvimento Profissional da PUC Minas.

 

Expografia  em tempos de Pandemia

Acesso: Canal no YouTube da FCS

Ministrante: Sônia Salcedo. Arquiteta e Urbanista (1982, USU-RJ), Cenógrafa (1989, UNI-RIO), Especialista em História da Arte e da Arquitetura (1998, PUC/RJ), Mestre em História e Critica da Arte (2002, EBA/UFRJ), Doutora em Artes Visuais (2012, EBA/UFRJ/RJ) e Pós-Doutora em Artes da Cena (2017, PPGAC/ECO/UFRJ) como bolsista do CNPQ no PDJ. É profissional da Fundação Nacional de Arte (Funarte), desde 1993, e, a partir de 2012 atua na comissão curatorial do Centro de Artes Visuais ? Funarte. Co-idealizou o Programa de Artes Visuais (Museu Imperial ? IPHAN / Centro de Artes Visuais ? Funarte, 2003-2008), o Programa Itaú Rumos Design (Itaú Cultural/SP, 2001).Tem experiência nas áreas das Artes e Arquitetura, com ênfase em Expografia da Arte Contemporânea, atuando como técnica, pesquisadora e docente, nos seguintes temas: crítica de arte e recepção da obra de arte, teorias e práticas artísticas e curatoriais, exposição e história da arte, arquitetura museal e design de exposições. A partir de 2014 é docente da Escola de Artes Visuais do Parque Lage – Rio de Janeiro. É artista curadora e autora dos livros ?Cenário da Arquitetura da Arte – montagens e espaços de exposições? (2008), “Poética Expositiva” (2011), Asas a Raízes (2015), Arte de Expor – curadoria como expoesis” (2015), “Pontotransição” (2016) e “Da visualidade à cena: dimensões expositivas da arte” (2017).

 

Direitos Autorais dos Artistas e das Obras de Arte

Acesso: Canal no YouTube da FCS

Ministrante: Leonardo Cançado. Advogado Especialista em Direito da Arte e presidente do INPAV – Instituto Nacional de Propriedade Artística Visual.

 

Grupo Folclórico Arunda

Acesso: Canal no YouTube da FCS

Ministrantes: Grupo Folclórico Aruanda. O Grupo Folclórico Aruanda é uma instituição cultural que nasceu do desejo de manter vivas nossas raízes culturais e, ao longo de 54 anos, vem atingindo um número cada vez maior de pessoas, despertando e potencializando o interesse e a admiração pela nossa cultura popular. O Grupo pesquisa, preserva e divulga as danças e os cantos folclóricos nacionais e leva esta riqueza para todo o Brasil e eventualmente ao exterior em forma de espetáculo. Na atividade, artistas do grupo abordarão sobre o surgimento do Grupo e a construção de uma instituição cultural independente, bem como os temas relacionados a dança popular e suas relações com arte.

Informações

Local

Centro de Formação Artística e Tecnológica - Cefart