Inscrições Prorrogadas para Prêmio Décio Noviello

14/02 - 07/05

Palácio das Artes (Av. Afonso Pena, 1537) e CâmeraSete – Casa da Fotografia de Minas Gerais (Av. Afonso Pena, 737) – Centro – Belo Horizonte

Cartazes de divulgação do Prêmio, feitos em serigrafia, serão sorteados pelo Instagram da FCS

 

A Fundação Clóvis Salgado e a Associação Pró-Cultura e Promoção das Artes (APPA) informam que as inscrições para o Prêmio Décio Noviello de Artes Visuais e para o Prêmio Décio Noviello de Fotografia da Fundação Clóvis Salgado foram prorrogadas. Os artistas podem se inscrever até dia 7 de maio de 2020, de forma gratuita (acesse o PASSO A PASSO para se inscrever no Prêmio). A atual edição marca a troca de nomes anunciada em 2019, na qual o Edital de Ocupação FCS de Artes Visuais e o Edital de Ocupação FCS de Fotografia passam a ser identificados como Prêmio Décio Noviello em homenagem ao artista mineiro falecido recentemente.

Serão selecionados dois projetos para o Palácio das Artes – galerias Arlinda Corrêa Lima e Genesco Murta, e dois projetos para a CâmeraSete – Casa da Fotografia de Minas Gerais. Trata-se de uma premiação nacional que estimula o fomento artístico e incentiva a circulação de artistas e obras contemporâneas.

Já foram contemplados pelo Edital de Artes Visuais da FCS trabalhos de artistas como Adriana Maciel, André Griffo, Bete Esteves, Claudia Tavares, Éder Oliveira, Isabel Löfgren e Patricia Gouvêa, Juliana Gontijo, Luis Arnaldo, Marcelo Armani, Nydia Negromonte, Ricardo Burgarelli, Ricardo Homen, Lorena D’arc, Renata Cruz e Rodrigo Arruda.

Já o Edital de Fotografia da FCS já contemplou, desde sua primeira edição, trabalhos dos artistas Daniel Antônio, Letícia Lampert, Luiza Baldan, Nelton Pellenz, Tiago Aguiar, Coletivo Família de Rua, Victor Galvão e Élcio Miazaki.

Sorteio de cartazes – O Prêmio Décio Noviello possui identidade visual que mescla as formas geométricas e cores vibrantes presentes nas obras do artista mineiro com a arquitetura do complexo cultural Palácio das Artes e da CâmeraSete – Casa da Fotografia de Minas Gerais. Para divulgação das inscrições, foram produzidos cartazes em serigrafia, que serão sorteados para o público por meio de uma publicação no Instagram da Fundação Clóvis Salgado (@fcs.palaciodasartes). Foram produzidas três versões do cartaz – em diferentes cores e estruturas geométricas – e cada uma delas será sorteada uma vez, sendo um cartaz para cada pessoa selecionada.

Inscrições online – As inscrições para o Prêmio Décio Noviello de Artes Visuais e Prêmio Décio Noviello de Fotografia são realizas pela primeira vez de forma exclusivamente digital.  Os trabalhos devem ser submetidos através de uma plataforma online (SEI), e para se inscrever é preciso criar um usuário externo. Em um prazo de 48h o cadastro do usuário é validado, e os trabalhos já poderão ser anexados. Todas as orientações sobre a documentação exigida, o link para acesso à plataforma e o passo a passo para a inscrição estão disponíveis no site da Fundação Clóvis Salgado: www.fcs.mg.gov.br.

Podem se inscrever artistas e coletivos do Brasil e do exterior, desde que possuam visto de permanência definitivo no país. Os artistas selecionados receberão R$10.000,00, para cada exposição coletiva, e R$8.000,00 para as individuais, além de transporte de obras, montagem e divulgação da exposição pelas equipes de Artes Visuais e de Comunicação da Fundação Clóvis Salgado. A Instituição também garantirá a publicação de um catálogo das exposições. Dúvidas sobre o edital podem ser esclarecidas pelo e-mail artesvisuais@fcs.mg.gov.br.

Os trabalhos serão avaliados por uma Comissão de Seleção do Edital, que contará com a participação de profissionais convidados, com notória especialização em Artes Visuais. Serão avaliados os portfólios dos inscritos e os projetos apresentados conforme os seguintes critérios: qualidade e contemporaneidade, relevância estética e conceitual, originalidade e ineditismo em Belo Horizonte e adequação ao espaço físico pretendido. O resultado do Prêmio será divulgado no dia 19 de maio de 2020.

Homenagem à Décio Noviello – A estreita relação que Décio Noviello manteve com a Fundação Clóvis Salgado ao longo dos anos se consolida com a renomeação dos Editais de Ocupação para Prêmio Décio Noviello. Desenhista, cenógrafo, figurinista, gravurista e pintor, Décio foi um importante nome da arte pop brasileira. Sua exposição Cor Opção ocupou a galeria Genesco Murta durante a programação do ArteMinas 2018 e foi a última mostra em vida do artista belo-horizontino. Durante a abertura, Décio reviveu o happening que compunha a mostra Do Corpo à Terra, que integrou a programação de inauguração do Palácio das Artes, em 1970. O artista também contribuiu na realização de cenografias e figurinos para balés, óperas e peças teatrais produzidas pela FCS, além de outras mostras de artes plásticas.

Décio Paiva Noviello – Nascido em São Gonçalo do Sapucaí, Minas Gerais, Noviello atuou como pintor, gravador, desenhista, cenógrafo, figurinista carnavalesco e professor. Em paralelo às suas atividades artísticas, lecionou desenho, geometria, matemática e topografia em colégios militares; exerceu o cargo de diretor artístico da revista da Academia Militar das Agulhas Negras; e trabalhou como ilustrador da Biblioteca do Exército. Durante 20 anos atuou como professor de história da indumentária no curso de estilismo na UFMG. Cidadão honorário, personalidade do carnaval e da cena teatral de Belo Horizonte. É representante da pop arte e da vanguarda brasileira; com participações e prêmios em vários salões, bienais e exposições no Brasil e no exterior.

Prêmio Décio Noviello de Artes Visuais 2020

Edital

Planta Galeria Arlinda Corrêa Lima

Planta Galeria Genesco Murta

 

Prêmio Décio Noviello de Fotografia 2020

Edital

Planta Camerasete – Casa da fotografia de Minas Gerais

 

Link para cadastro do usuário externo no SEI

Cadastrar

 

Link para cadastro do projeto no SEI – “FCS – Edital FCS Prêmio Décio Noviello de Artes Visuais ou Fotografia 2020”

Cadastrar

 

Este evento tem correalização da APPA Arte e Cultura.

Informações

Local

Palácio das Artes (Av. Afonso Pena, 1537) e CâmeraSete – Casa da Fotografia de Minas Gerais (Av. Afonso Pena, 737) – Centro – Belo Horizonte