Música de Cinema

04/09 - 05/09

Grande Teatro | Palácio das Artes | Av. Afonso Pena, 1537. Centro. Belo Horizonte

Foto: Paulo Lacerda

Nos dias 4 e 5 de setembro, a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, sob regência do maestro Sérgio Gomes, realiza os concertos especiais Música de Cinema, dedicados ao premiado compositor americano John Williams. No repertório, estão trilhas sonoras das aclamadas sagas Harry Potter e STAR WARS, além dos longas Indiana Jones e os Caçadores da Arca Perdida, Superman, Jurassic Park e A Lista de Schindler. Os concertos contam, também, com exibição de trechos dos filmes. Este evento tem correalização da Appa Arte e Cultura.

Segundo o maestro Sérgio Gomes, Williams é considerado atualmente o compositor vivo mais importante tanto pelo volume de sua obra, como pela sua popularidade. “Apresentar esse programa com a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais representa um grande desafio e uma oportunidade enorme de desenvolvimento para todos nós devido à dificuldade técnica. Além disso, ao interpretarmos obras de tamanha qualidade e beleza, nos sentimos muito realizados artisticamente”, comenta o maestro, que escolheu pessoalmente o repertório.

Antes de realizar trilhas sonoras, Williams compunha peças orquestrais. Ao longo de mais de sessenta anos de carreira, concorreu ao Oscar 51 vezes, sendo a segunda pessoa mais indicada ao prêmio na história do cinema. O americano levou cinco estatuetas pelas trilhas de Fiddler On The Roof (1972), Tubarão (1976), Star Wars (1978), E.T.: O Extraterrestre (1983) e A Lista de Schindler (1994). “John Williams combinou seu estilo com trabalhos orquestrais clássicos de compositores renomados, principalmente Gustav Holst, Igor Stravinsky e Richard Wagner”, explica Sérgio. “Ele soube usar magistralmente seu conhecimento de composição, da orquestra e seus instrumentos de maneira que a trilha quase conta a história dos longas, carregando o conteúdo emocional da trama tanto quanto as cenas”, avalia.

Viagem pela memória afetiva do público – A obra de John Williams é extensa, e, segundo o maestro, o repertório dos concertos se concentra em obras que trarão muitas memórias para as várias gerações dos amantes do cinema dos últimos 50 anos. “É difícil escolher destaques, pois todo o programa está lindo e montado de forma bem empolgante, mas chamo a atenção para Suíte para Orquestra STAR WARS em cinco movimentos, a Suíte para Orquestra Harry Potter e, para contrastar com essas duas obras grandiosas, o Tema Principal da Lista de Schindler”, opina Sérgio Gomes.

Inserir no repertório da OSMG obras que resgatam as memórias afetivas dos espectadores é muito importante para a formação de público. “Tocar composições facilmente reconhecíveis tende a quebrar essa falsa impressão de que a música erudita é de elite. Esse repertório vem reforçar que a arte e a música são de amplo acesso para todos”, observa, ressaltando que as obras vão agradar fãs casuais e assíduos de todas as idades.

Um desses fãs é o flautista Alef Caetano, que foi um dos vencedores do 7º Concurso Jovens Solistas da Fundação Clóvis Salgado, e toca neste concerto. “Harry Potter e a Pedra Filosofal foi um dos primeiros livros que li na infância, além de ter assistido ao filme com apenas 8 anos. Então cresci junto do personagem Harry. Para mim, tocar essa trilha é muito divertido e gratificante”, revela.

Para Alef, John Williams é inquestionavelmente um excelente compositor, e suas obras exigem certo virtuosismo de toda a Orquestra. “Este é um repertório democrático para todos os instrumentistas, porque são obras difíceis que exploram a nossa busca pela perfeição técnica. Esse aprimoramento coletivo é muito importante porque tende a render frutos a longo prazo, o que com certeza se refletirá nos próximos concertos”, avalia o flautista.

Orquestra Sinfônica de Minas Gerais – Considerada uma das mais ativas do país, a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais cumpre o papel de difusora da música erudita, diversificando sua atuação em óperas, balés, concertos e apresentações ao ar livre, na capital e no interior de Minas Gerais. Seu atual regente titular é Silvio Viegas. Criada em 1976, foi declarada Patrimônio Histórico e Cultural do Estado de Minas Gerais em 2013. Participa da política de difusão da música sinfônica promovida pelo Governo de Minas Gerais, por meio da Fundação Clóvis Salgado, a partir da realização dos projetos Concertos no Parque, Concertos Comentados, Sinfônica ao Meio-dia, Sinfônica em Concerto, além de integrar as temporadas de óperas realizadas pela FCS. Mantém permanente aprimoramento da sua performance executando repertório que abrange todos os períodos da música sinfônica, do barroco ao contemporâneo, além de grandes sucessos da música popular, com a série Sinfônica Pop. Já estiveram à frente da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais os regentes Wolfgang Groth, Sérgio Magnani, Carlos Alberto Pinto Fonseca, Aylton Escobar, Emílio de César, David Machado, Afrânio Lacerda, Holger Kolodziej, Charles Roussin, Roberto Tibiriçá e Marcelo Ramos.

Sérgio Gomes – Graduado pela UFMG em 1997, nasceu no estado do Rio de Janeiro e iniciou seus estudos musicais com seu pai – o maestro Sebastião Gomes. A especialização em trompa se iniciou quando Sérgio possuía apenas 11 anos, na Escola de Música de Brasília, com o professor Raimundo Martins. Em 1977, passou a integrar como primeiro trompista a Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, atuando também como solista. Em 1981, foi convidado a participar da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais como primeiro trompista e solista. Esteve à frente da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais na Série Sinfônica no Museu, Concertos Educativos, Concertos no Parque, Concerto na Cidade, Sinfônica ao Meio-Dia, Sinfônica em Concerto e Sinfônica Pop. Sergio é o primeiro trompista solista e regente-assistente da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais.

 

PROGRAMA

Harry Potter – The Sorcerer’s Stone

Hedwig’s Theme

The Sorcerer’s Stone

Nimbus 2000

Harry’s Wondrous

 

Raider’s March

 

Superman March

 

Jurassic Park

 

Schindler List

 

Star Wars – Suíte for Orchestra

Main Title

Princess Leia’s Theme

The Imperial March (Darth Vader’s Theme)

Yoda’s Theme

Throne Room & End Title

 

Este evento tem correalização da APPA – Arte e Cultura.

Informações

Local

Grande Teatro | Palácio das Artes | Av. Afonso Pena, 1537. Centro. Belo Horizonte

Horário

20h30

Duração

1h

Classificação

10 ANOS

Informações para o público

31 3236-7400