No dia 1º de setembro, o palco do Grande Teatro do Palácio das Artes recebe Thiago Arancam, um dos maiores tenores da atualidade, com a turnê de seu novo disco Bela Primavera.

Bela Primavera

Em um intervalo dos teatros da Europa e Estados Unidos, Thiago Arancam mergulhou no novo projeto da carreira para mostrar ao público brasileiro porque o velho mundo lhe acolheu. O álbum Bela Primavera, gravado na República Tcheca, Itália e também no Brasil, marca o início da carreira popular do artista no país onde nasceu. O disco possui nove canções, seis inéditas e três regravações: “Hallelujah”, de Leonard Cohen e “Strani Amore”, de Angelo Valsiglio, Roberto Buti, Cheope, Marco Marati e Francesco Tanini e “Céu de Santo Amaro”, de Flávio Venturini, com participação de Paula Fernandes e da Orquestra Filarmônica de Praga. Dos estúdios para o palco, Bela Primavera traz a mistura do erudito - com a participação de uma orquestra com 10 músicos, com o popular - bateria, teclado, baixo, guitarra e piano.

A Turnê

Maior nome da ópera do Brasil, Thiago Arancam vai rodar o país com o novo espetáculo. Além das canções do novo disco, que traz as influências do mundo lírico, serão apresentados os clássicos da ópera “Nessun Dorma” e “Il Mondo”. O repertório traz canções em Italiano, Espanhol e Inglês e grandes sucessos como “Viva La Vida”, do Coldplay; “Pride”, do U2; “Crazy”, de Seal e “Who Wants to Live Forever”, do Queen. Na lista das inéditas “En Algun Lugar”, de Jesse Harris, compositor do grande sucesso “Don’t Know Why”; “Mágico Amore”, de Eddiey Oliva; e “Delirio”, do próprio Arancam, em parceira com Maycon Ananias e Jorge Zarath.

Irma Vidal e VJ Gabiru dividem a criação cenográfica e a direção artística do espetáculo, que possui estéticas barroca, clássica e neoclássica, a partir da arte e arquitetura, aplicadas a um contexto de arte e tecnologia, onde luz e imagem em cenários efêmeros e em movimento dialogam com a música. Na produção musical, Yacoce Simões. Menino dos olhos de Plácido Domingo, primeiro brasileiro a ingressar na conceituada Academia de Canto Lírico do Teatro Scalla, de Milão, Thiago Arancam quer encontrar suas raízes e mostrar a força e a emoção da sua voz - conhecida em mais de 40 países – ao público brasileiro.

Lei da meia-entrada: A Lei Federal nº 12.933/2013 dispõe sobre o benefício do pagamento de meia-entrada para estudantes, idosos, pessoas com deficiência e jovens de 15 a 29 anos comprovadamente carentes em espetáculos artísticos culturais e esportivos. Clique e acesse o texto na íntegra